Página Inicial Fale Conosco Assine o Paraná Centro
Publicidade

15/08/2016

Fisioterapia no tratamento de esporão de calcâneo

Colunista Vandia

O osso de maior tamanho na estrutura óssea do pé é o calcâneo. Ele suporta todo o peso do corpo, sofrendo um impacto intenso e constante.
Um dos motivos mais frequentes para a procura ortopédica são as queixas de dores no calcanhar. Microtraumatismos no osso calcâneo podem levar à formação do esporão. As mesmas lesões que normalmente desencadeiam o surgimento da chamada fascite plantar, inflamação da fascia plantar – tecido que recobre a musculatura da sola do pé – também provocam o aparecimento do esporão de calcâneo. As mulheres são as mais suscetíveis ao problema.

O que é o esporão de calcâneo?
A planta do pé é composta por estruturas elásticas (músculo) e rígidas (fáscia) que aumentam, na prática, a eficiência do impulso e potencializam a força dos músculos flexores curtos dos dedos. O esporão de calcâneo é caracterizado por uma protuberância óssea na base do osso calcâneo (na sola do pé) ou ainda na região posterior do calcâneo, bem próximo à inserção do tendão de Aquiles.

Essa inflamação crônica da parte inferior do calcanhar afeta, não apenas, o osso calcâneo, mas também os tendões. E, caso a inflamação se estenda por um tempo prolongado, pode acabar levando à calcificação dos tecidos ao redor do osso do calcanhar, esse fenômeno é o que leva à formação dos esporões.

Causas do esporão de calcâneo
Situações variáveis que causem um estresse crônico à região do calcanhar podem provocar o surgimento de um esporão. Pessoas com a curvatura dos pés acentuada, que sofrem com o sobrepeso ou que trabalham em pé durante muito tempo têm forte tendência a apresentar o problema.
Outros fatores de risco para o surgimento do esporão de calcâneo são:
– Usar, excessivamente, salto alto ou calçados que sejam pouco apropriados para os pés. É o caso de sapatos muito apertados ou velhos;
– Praticar esportes com forte impacto nos pés. Dança e corrida, por exemplo;
– Alterar a marcha, como pisar com o pé torto.

Sintomas do esporão de calcâneo
Dificilmente o esporão causa um sinal aparente, como vermelhidão ou inflamação. O que caracteriza o problema é a dor. Geralmente, a dor é pulsante na zona plantar do calcanhar. Mas atenção: nem toda dor nessa região é esporão e há casos em que o esporão de calcâneo não manifesta dor.

Tratamento para o esporão de calcâneo
Inicialmente, a inflamação pode ser controlada com repouso e gelo. Mas nos casos em que há resistência, a melhor forma de tratamento é a fisioterapia que oferece exercícios e alongamentos bem específicos para os pés e as panturrilhas. A grande maioria dos pacientes responde muito bem ao tratamento com fisioterapia.

Como prevenir o esporão de calcâneo
– Controlar o excesso de peso do próprio corpo para reduzir o estresse provocado sobre os pés;
– Usar calçados adequados nas práticas esportivas e no dia-a-dia;
– Evitar permanecer de pé por longos períodos;
– Fortalecer, regularmente, a musculatura da planta do pé.

http://fisioterapiamanual.com.br
Dra Vândia Leal
Fisioterapeuta
Crefito 8: 96373-F
direcaovanmed@hotmail.com
(43) 9648-1059
Ivaiporã/PR





< Voltar





Mais Lidas








Grupo 



 Página principal