Página Inicial Fale Conosco Assine o Paraná Centro
Publicidade

25/01/2016

Fraturas do membro superior

Colunista Vandia

Define-se fratura, como sendo uma interrupção na continuidade do osso, que pode ser um rompimento completo ou incompleto. (fenda).

Causas
A maioria das fraturas é devido a algum tipo de trauma. Pode ser um choque direto com força considerável, como pode ser um acidente de automóvel, moto, queda de uma certa altura ou um peso que cai sobre a mão, pé ou determinado membro do corpo. Outras fraturas podem ser causadas por violência indireta como uma queda sobre a mão superestirada, podendo vir a fraturar a extremidade distal do rádio.

Fraturas das mãos e dedos
As fraturas das falanges ou ossos metacárpicos, podem resultar em deformidades, rigidez das articulações, que algumas vezes podem ser bastante incapacitantes, para muitas atividades dos membros superiores, muitas vezes pode ocorrer sérios danos em tecidos moles, que podem afetar músculos, vasos sanguíneos e nervos. O principal problema para o tratamento fisioterápico são as lesões por esmagamento, que podem causar fraturas dos metacárpicos que resultam em dor e edema.
No tratamento fisioterápico é essencial reduzir a tumefação o mais breve possível, para evitar a formação de aderência e, conseqüente, rigidez, a mobilidade das articulações não afetadas devem ser mantida e é importante garantir que todas articulações do braço estejam com seu arco de movimento total.

Uma vez removida a imobilização, é preciso instituir um tratamento intensivo, imediatamente, para readquirir o movimento e a função. Em certos casos, o tratamento intensivo deve ser diário. O fisioterapeuta deve instruir o paciente sobre um programa doméstico e monitorar o progresso quando necessário. É importante que o fisioterapeuta discuta os problemas e tenham um plano integrado de tratamento juntamente em parceria com o médico ortopedista responsável pelo paciente, havendo fratura exposta ou não.

O tratamento correto e o acompanhamento são necessários para garantir que o paciente retome as suas atividades de vida diária e com  o máximo de amplitude de movimento possível, garantindo assim uma excelente qualidade de vida aos seus pacientes ao retorno de suas atividades habituais.

Fonte: www.fisioweb.com.br
Vândia Leal
Fisioterapeuta: Crefito: 8 96373-F
Fone:(43)9648-1059 e-mail: direcaovanmed@hotmail.com





< Voltar





Mais Lidas








Grupo 



 Página principal